quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Mera ilusão

Eram como ruas vazias,
Um só caminho;
Não perdido, mas, sem direção.
Confuso, estranho;
E o querer aumentava sem pedir.

Era como uma música,
Aquela preferida;
Que se repetia e repetia.
Fazendo-me não está ali.

Era alguém como você,
Eu via mesmo sem crer.
Não corri, não gritei; Parei.
Não tinha pernas, quando menos chão.
Não tinha pensamento, imagine reação.
Fechei os olhos e pude suspirar,
E notei o quanto uma música faz viajar.
Mera ilusão.
Continuei a caminhar.

11 comentários:

Thalles Fontana disse...

woww! parabéns, viu?

;)

Elania disse...

A música é o som que nos move, nos comove, nos motiva, ela nos faz ver coisas como isso...

Muito lindo, parabéns.

Ricardo Pucci disse...

Muito bom..
Gostei, parabens
Seguindo..
http://juventustravesso.blogspot.com/2010/10/devoradores-da-arqubancada-01-um.html

Sabine Costa, disse...

É tão bom ler seus textos... Me fez sentir várias sensações ao mesmo tempo enquanto lia... E a leitura não é cansativa... Escreve muito bem, parabéns. Segui :)

Camila Gusmão disse...

Textos claros e objetivos... Adoro.
Parabéns pelo blog.

Arash Gitzcam disse...

começou a tocar uma música aqui bem no tom da leitura, uma instrumental com um piano, se soubesse o nome passava pra vc curtir... :)

exgalinha disse...

Putssss curti o jogo com as palavras....


enfim.. continue a caminhar

exgalinha disse...

Ooww faz uma visita no blog também....


http://exgalinha.blogspot.com

~Ana~ disse...

Belo post.. parabéns pelo blog ^^
bjus

http://essenciademimesma.blogspot.com/

Eu, ΞĐU disse...

Oi, May...
Muuito bom o seu blog, suas idéias... Bom gosto e sensibilidade, quando se juntam, produz um ótimo resultado.
Estou te seguindo.
Beijos no coração,
EDU (http://edurjedu.blogspot.com)

Brenda Gomes disse...

E as vezes a vida me lembra uma trilha sonora, as vezes agitava e por vezes resume-se a calmaria. Sentimentalidades a tona, mais um lindo poema.
bjs